Meteoro interestelar pode ter sido um nave alienígena

Dois cientistas acreditam que o primeiro objeto interestelar a passar pelo nosso sistema solar não era só uma "pedra".

Meteoro interestelar pode ter sido um nave alienígena
Foto: Interpretação artística do 'Oumuamua ESO/M/KORNMESSER
Escrito por: Ms Redação 07 de novembro de 2018 14h27 Comentários

Pouco mais de um ano atrás, foi observado um objeto de outro sistema viajando pelo nosso Sistema Solar pela primeira vez. Houve algum debate sobre se era um cometa ou um asteróide. Mas também surgiu algumas teorias de que poderia ser uma nave alienígena equipada com uma vela solar.

Na verdade, não era uma nave. Pelo menos é o que a maioria dos cientistas acredita. Mas ainda assim, dois cientistas analisaram a plausibilidade de tal cenário, observando algumas peculiaridades do objeto - apelidado de 'Oumuamua' - que poderia dar credibilidade a tal explicação. A história foi vista pela primeira vez por Matt Williams no Universe Today.

O estudo, que está disponível no arXiv (um servidor de pré-impressão) foi submetido ao Astrophysical Journal Letters e foi conduzido por Shmuel Bialy e Avi Loeb, da Harvard Smithsonian Center for Astrophysics, em Cambridge, Massachusetts.

'Oumuamua era estranho pelo fato de que, ao passar pelo Sol, parecia ter um aumento de velocidade estranho. Os cientistas determinaram isso como um evento de desgasificação - com o objeto queimando material de sua superfície como um jato que foi aquecido pelo sol.

Bialy e Loeb, no entanto, argumentam contra essa ideia. Eles dizem que a falta de rotação adicional no objeto de 400 metros de comprimento causado pelo evento faz com que seja improvável que um evento de desgaseificação seja a causa da mudança de movimento. Em vez disso, eles dizem que a aceleração "pode ??ser explicada pela pressão da radiação solar".

“Se a pressão de radiação é a força aceleradora, então 'Oumuamua representa uma nova classe de material interestelar fino, produzido naturalmente, através de um processo ainda desconhecido no meio interstelar [ISM] ou em discos proto-planetários, ou de origem artificial, " eles escrevem.

“Considerando uma origem artificial, uma possibilidade é que 'Oumuamua é uma vela, flutuando no espaço interestelar como um resíduo de um equipamento tecnológico avançado.”

Tais idéias foram consideradas na Terra para nossas próprias jornadas a estrelas distantes. O projeto Breakthrough Starshot, por exemplo, propôs o uso de uma vela para chegar ao nosso sistema estelar mais próximo - Alpha Centauri - em uma geração.

Se isso fosse verdade para 'Oumumamua, a dupla não tem certeza se o objeto foi enviado acidentalmente para nós - "Um equipamento que não está mais operacional"- ou uma sonda operacional "enviada intencionalmente à vizinhança terrestre por uma civilização alienígena." Eles dizem que poderia ter vindo de qualquer estrela dentro de 16.000 anos-luz.

Infelizmente, 'Oumuamua está agora muito longe da Terra para estudá-la ainda mais, muito menos visitá-la, e ela nunca mais voltará. Então, nunca seremos capazes de testar essa teoria, por mais ridícula que seja.

"A questão-chave com essa teoria é que ela não pode ser testada", disse o Dr. René Heller, do Instituto Max Planck de Pesquisa do Sistema Solar, à IFLScience. "É também uma reivindicação extraordinária sem evidência extraordinária".

Você pode querer ver...
Veja a 1ª imagem de um buraco negro da história, um verdadeiro 'monstro' maior que o Sistema Solar
Ciência Há 7 mêss
Veja a 1ª imagem de um buraco negro da história, um verdadeiro 'monstro' maior que o Sistema Solar Primeira imagem de um buraco negro é finalmente tirada e ele é considerado um verdadeiro ‘monstro’ pelos Astrônomos.
Natal: como não engordar nessa época?
Curiosidades Há 11 mêss
Natal: como não engordar nessa época? De acordo com uma pesquisa realizada por cientistas, se você prestar atenção em dicas simples sem exagerar nas bebidas e comidas o ganho de peso é muito menor no fim de ano.
Pelos: por que temos?
Ciência Há 11 mêss
Pelos: por que temos? Essa pergunta foi respondida, pelos menos parcialmente, por pesquisadores da Universidade da Pensilvânia que publicaram um estudo na revista científica Cell Reports.
Aplicativo promete detectar anemia sem agulhas
Curiosidades Há 11 mêss
Aplicativo promete detectar anemia sem agulhas De acordo com os autores, os resultados são animadores e que pretendem disponibilizar para download até o fim do primeiro semestre de 2019.
Novos sóis e novos planetas: vida fora da Terra?
Curiosidades Há 11 mêss
Novos sóis e novos planetas: vida fora da Terra? O estudo demonstra que esses planetas sejam rochosos, havendo um equilíbrio para a existência de vida nesses planetas.
Primeira pomada contra picada de aranha
Ciência Há 11 mêss
Primeira pomada contra picada de aranha Pesquisadores do Instituto Butatã (IB) anunciaram a produção de uma pomada capaz de salvar uma pessoa de uma picada de aranha-marrom (Loxosceles sp).
Últimas postagens
1
5 canais que estão no Youtube e que são no mínimo inusitados
2
Quais são os próximos filmes da Marvel que já foram confirmados?
3
Os 5 lugares mais sujos da sua casa
4
O futuro da Marvel – Novo trailer Homem-Aranha: Longe de Casa
5
Os empregos mais estranhos do mundo
6
Redmi lança versão “Avengers Edition” para Redmi 7 e Note 7
7
Ferramentas incríveis escondidas no Google
8
Quanto tempo cada herói apareceu em Vingadores: Ultimato
9
Vingadores Ultimato em busca do recorde de Bilheteria
10
Samurai 8: The Tale Of Hachimaru – Novo mangá de Kishimoto
Parceiros
Publicidade