5 mitos que você provavelmente acredita sobre o corpo humano

Conheça 5 mitos sobre o corpo humano que você provavelmente ouviu sua vida inteira e acha que é verdade.

5 mitos que você provavelmente acredita sobre o corpo humano
Escrito por: Ms Redação 20 de janeiro de 2017 09h00 Comentários

Ouvimos muitos mitos quando somos crianças, alguns para nos assustar de forma educativa, alguns são simplesmente muito repetidos e pessoas os tomam como verdade.

Conheça 5 mitos sobre o nosso corpo que você ainda acredita.

1 – Ter dentes brancos não é um sinal de ter dentes saudáveis

Muita gente relaciona um sorriso mais amarelado com falta de saúde bucal ou até mesmo falta de higiene, mas essa não é a verdade absoluta em relação a cor dos dentes.

A cor natural dos dentes humanos é um tom de amarelo. Todo processo de branqueamento em nome da fútil vaidade apenas danifica o esmalte dos dentes e aumenta o risco de quebra, infecções e outros problemas.

2 – O cabelo e a unha não continuam crescendo depois que a gente morre

Essa é uma lenda que pode ter originado durante a primeira guerra mundial. Essa lenda se originou porque nosso corpo seca e murcha quando morremos dando a impressão de que as unhas e o cabelo estão maiores.

3 -Relações sexuais antes de competições não atrapalha sua performance

Esse mito já foi desmentido por estudos científicos realizados em diversos lugares do mundo. Claro se você ficar transando a noite toda e não dormir e for correr uma maratona no outro dia de manhã você estará mais cansado, mas não é por causa do sexo.

4 – Pé plano não é um defeito, nem deixa as pessoas mais propensas a ferimentos

Ao contrário do que muita gente pensa, incluindo o exército e alguns professores de educação física, o pé plano não atrapalha em nada.

Na verdade, alguns estudos realizados em tropas militares revelaram que quem tem o pé plano é menos propenso a se ferir com contusões e torções.

5 – Enrolar a língua não é um traço genético

Esse foi um mito difundido em 1940 quando uma revista afirmou que “Descobrimos uma nova característica herdada em humanos”.

Na verdade, já foi descoberto que a capacidade de dobrar a língua é algo que pode ser aprendido por qualquer pessoa, porém a capacidade de aprendizado é mais alta com 12 anos de idade.

Ou seja, quem treinou muito fazer isso durante a adolescência pode conseguir fazer até hoje.

Você pode querer ver...
Sera que fomos visitados por uma nave espacial?
Entretenimento Há 3 dias
Sera que fomos visitados por uma nave espacial? O primeiro visitante interestelar já registrado por nós está sendo investigado para saber se é uma espaçonave.
Raríssimo: Halo Solar é visto na Suécia
Ciência Há 1 semana
Raríssimo: Halo Solar é visto na Suécia Este é um dos fenômenos mais raros envolvendo o sistema solar.
Síndrome rara torna garoto alérgico a qualquer alimento do mundo
Entretenimento Há 1 semana
Síndrome rara torna garoto alérgico a qualquer alimento do mundo Micah pode apenas comer pêssegos e nada mais.
Repórter quase morre durante experimento ao vivo
Entretenimento Há 2 semanas
Repórter quase morre durante experimento ao vivo A mulher quase foi atingida por uma garrafa PET em alta velocidade.
Abraçar bebês pode alterar o DNA deles enquanto crescem
Entretenimento Há 2 semanas
Abraçar bebês pode alterar o DNA deles enquanto crescem Felizmente a alteração é para melhor!
Ex engenheiro da NASA cria a Areia Líquida
Entretenimento Há 2 semanas
Ex engenheiro da NASA cria a Areia Líquida Com certeza você vai querer!
Últimas postagens
1
Homem grava momento que tubarão ataca sua mulher
2
Sera que fomos visitados por uma nave espacial?
3
Sem querer homem grava a própria morte durante vídeo
4
Garoto faz desabafo em vídeo sobre bullying e viraliza
5
Homem enfrenta fogo para salvar pequeno coelho
6
YouTuber fica com a cabeça presa em cimento. É, pois é!
7
CNH vai mudar e pode virar cartão de crédito
8
Veja a beleza dos raios em um incrível vídeo 4K
9
Instagram quer te dizer algo sobre selfies com animais selvagens
10
Conheça o segredo do "Relógio Fantasma" exposto em um museu
Parceiros
Publicidade