MIT está tentando criar um "mini Sol" de energia infinita

Segundo os pesquisadores a fusão nuclear é o próximo passo para conseguirmos energia limpa e eficiente.

MIT está tentando criar um
Escrito por: Ms Redação 30 de março de 2018 17h44 Comentários

Em 15 anos poderemos estar vivendo em um mundo com um suprimento ilimitado de energia limpa. O MIT anunciou que está trabalhando com uma empresa privada para construir uma usina de fusão nuclear capaz de gerar 100 megawatts de energia de fusão. Se tudo correr conforme planejado, o reator pode estar em funcionamento em 2033. Até agora, o ambicioso projeto recebeu $ 50 milhões em financiamento de uma empresa de energia italiana chamada Eni, dos quais $30 milhões serão gastos em pesquisa e desenvolvimento.

Então, o que é fusão nuclear? Em termos brutos, imagine uma mesa de bilhar. Se a fissão nuclear é o distanciamento das bolas uma da outra, a fusão nuclear ocorre quando duas bolas colidem. Mas em vez de bolas, a usina de fusão nuclear usa átomos de hidrogênio, que liberam grandes quantidades de energia à medida que se fundem para formar hélio. Este é o processo que ocorre no sol.

Essencialmente, é o próximo grande passo na produção de energia. Se der certo, poderia fornecer ao mundo inteiro um estoque ilimitado de energia livre de carbono, segura e sustentável, substituindo os combustíveis fósseis e mitigando os piores efeitos da mudança climática. Ao contrário da fissão nuclear, ela não resulta em lixo tóxico perigoso ou risco de acidentes nucleares e catastróficos como o de Chernobyl.

Embora existam usinas nucleares de fusão de protótipos atualmente em ação, os cientistas ainda não conseguiram supervisionar uma reação sem causar um déficit de energia. O que torna as coisas diferentes desta vez é a disponibilidade de supercondutores de alta temperatura; um ativo que só se tornou comercialmente disponível nos últimos anos. Isso permitirá que os cientistas do MIT fortaleçam o campo magnético em torno do combustível de plasma quente usado nos reatores tokamak e, portanto, possibilitarão a produção de reatores menores e mais baratos.

"Trata-se de escala e é sobre velocidade", Robert Mumgaard, diretor executivo da Commonwealth Fusion Systems (CFS), a empresa privada envolvida no projeto, disse à Nature Os esforços combinados de acadêmicos e industriais devem ajudar a acelerar o processo e levar essa tecnologia ao mercado nos próximos anos, acrescentou.

Existem várias start-ups que também trabalham em projetos similares, incluindo a Tokamak Energy, uma empresa britânica sediada perto de Oxford. No entanto, especialistas dizem que este projeto é o mais promissor.

"Se o MIT pode fazer o que está dizendo - e não tenho motivos para pensar que eles não possam - este é um grande passo adiante", disse Stephen Dean, da Fusion Power Associates, um grupo de direito em Gaithersburg, Maryland.

Outros permanecem céticos, particularmente no que diz respeito ao investimento privado. "Este financiamento para o MIT é fantástico, mas não há como você conseguir que o setor privado assuma o peso total do programa de fusão", disse Stewart Prager, ex-diretor do Laboratório de Física de Plasma de Princeton, em Nova Jersey. . Pesquisadores esperam contornar esse problema atraindo financiamento do governo.

Como explicou Claudio Descalzi, CEO da Eni, em comunicado, "a fusão é a verdadeira fonte de energia do futuro, pois é completamente sustentável, não libera emissões ou desperdícios a longo prazo, e é potencialmente inesgotável". É uma meta que estamos cada vez mais determinados a alcançar rapidamente ”.

 

Você pode querer ver...
A história da mulher que engravidou mesmo sem ter vagina
Curiosidades Há 53 minutos
A história da mulher que engravidou mesmo sem ter vagina A história confundiu até mesmo os médicos e é muito mais estranha do que se pode imaginar.
Cafeteria coreana faz sucesso ao parecer história em quadrinhos
Entretenimento Há 1 hora
Cafeteria coreana faz sucesso ao parecer história em quadrinhos Os fãs de mangá com certeza vão amar poder entrar "dentro das páginas" dos livros.
Parece ficção! conheça o Elevador para o Espaço.
Ciência Há 2 horas
Parece ficção! conheça o Elevador para o Espaço. A ideia do grupo é construir um elevador com capacidade para no máximo 30 pessoas, com formato oval que rasgará os céus a 200km/h em um total de oito dias.
Conheça a vacina auto aplicável e que pode ser enviada por Correio!
Curiosidades Há 2 horas
Conheça a vacina auto aplicável e que pode ser enviada por Correio! A ideia é que, se você precisar tomar uma vacina para a gripe por exemplo, mas não tem condições de ir a uma clínica pagar para aplicar a vacina.
Pombos e azar: Como o Tinder foi desenhado para ser viciante
Curiosidades Há 3 horas
Pombos e azar: Como o Tinder foi desenhado para ser viciante Conheça o estudo realizado nos anos 40 que foi responsável pela criação do recurso de "deslizar para a direita"
9 atos de bondade que vão alegrar o seu dia
Entretenimento Há 22 horas
9 atos de bondade que vão alegrar o seu dia A bondade faz bem para toda a humanidade. Confira algumas fotos de pessoas tentando tornar esse mundo um lugar melhor.
Últimas postagens
1
A história da mulher que engravidou mesmo sem ter vagina
2
Cafeteria coreana faz sucesso ao parecer história em quadrinhos
3
Parece ficção! conheça o Elevador para o Espaço.
4
Curioso! Quatis estão usando sabonetes para se higienizarem.
5
Conheça a vacina auto aplicável e que pode ser enviada por Correio!
6
Pombos e azar: Como o Tinder foi desenhado para ser viciante
7
9 atos de bondade que vão alegrar o seu dia
8
Nova fonte pode aumentar as suas redações em até 10%
9
Curiosidades históricas sobre a saúde e higiene do passado
10
Pesadelo: Teia de mais de 300 metros aparece em cidade da Grécia
Parceiros
Publicidade