Maconha vs Álcool: A ciência responde qual é o pior

Os dois são ruins, mas um faz mais mal para o cérebro do que o outro.

Maconha vs Álcool: A ciência responde qual é o pior
Escrito por: Ms Redação 20 de fevereiro de 2018 23h29 Comentários

Usuários de maconha e fãs do álcool brigam por anos para saber qual é o "melhor" para o ser humano, e os cientistas finalmente resolveram o debate antigo sobre se a ingestão de maconha ou álcool é pior.

Desculpe, fãs do álcool. Acontece que a maconha pode não ser tão prejudicial para o cérebro como se pensava anteriormente

Os pesquisadores examinaram os cérebros de mais de 1.000 participantes em diferentes idades, observando dados de imagens neurológicas de exames de ressonância magnética. Especificamente, eles usaram os dados para examinar os tipos de tecidos que compõem o cérebro: matéria cinza e branca. A matéria cinzenta inclui corpos celulares que, entre outras coisas, permitem a funcionalidade, enquanto a matéria branca permite que tudo se comunique. Uma perda de qualquer um significaria que o cérebro não está funcionando corretamente.

A equipe descobriu que os produtos de maconha e cannabinoides não tinham efeitos a longo prazo.

O álcool, por outro lado, foi significativamente associado a uma diminuição do tamanho da matéria cinzenta e da integridade da substância branca, especialmente em adultos com décadas de exposição. Os resultados são publicados na revista Addiction.

Os impactos negativos do álcool no cérebro foram conhecidos há anos, e foi assumido que os canabinóides eram prejudiciais para a saúde do cérebro a longo prazo também por causa de seus efeitos psicoativos imediatos.

"Com álcool, sabemos que é ruim para o cérebro por décadas", disse o co-autor do estudo Kent Hutchison em um comunicado.  "Mas, para a cannabis, sabemos tão pouco".

Muitas pesquisas anteriores que estudaram os efeitos negativos da maconha surgiram com diferentes resultados, disse Hutchison, professor de neurociência comportamental na Universidade do Colorado (UC) Boulder.

"O ponto é que não há consistência em todos esses estudos em termos das estruturas cerebrais reais", disse ele.

Não vá correr para a farmácia mais próxima ainda. Os pesquisadores dizem que isso não significa que a maconha seja melhor para você ou que o estudo comprove qualquer benefício para a saúde. Significa apenas que os impactos da uso da cannabis podem ser inferiores ao que se acreditava anteriormente.

"Particularmente com o uso de maconha, ainda há muito que não sabemos sobre como isso afeta o cérebro", disse Rachel Thayer, uma estudante de pós-graduação em psicologia clínica da CU Boulder e autor principal do estudo. "A pesquisa ainda é muito limitada em termos de saber se o uso de maconha é prejudicial ou benéfico para o cérebro".

Os pesquisadores dizem que o estudo poderia ajudar a informar melhor os possíveis tratamentos de dor alternativos diante da epidemia de opióides em curso.

Você pode querer ver...
Natal: como não engordar nessa época?
Curiosidades Há 1 mês
Natal: como não engordar nessa época? De acordo com uma pesquisa realizada por cientistas, se você prestar atenção em dicas simples sem exagerar nas bebidas e comidas o ganho de peso é muito menor no fim de ano.
Pelos: por que temos?
Ciência Há 1 mês
Pelos: por que temos? Essa pergunta foi respondida, pelos menos parcialmente, por pesquisadores da Universidade da Pensilvânia que publicaram um estudo na revista científica Cell Reports.
Aplicativo promete detectar anemia sem agulhas
Curiosidades Há 1 mês
Aplicativo promete detectar anemia sem agulhas De acordo com os autores, os resultados são animadores e que pretendem disponibilizar para download até o fim do primeiro semestre de 2019.
Novos sóis e novos planetas: vida fora da Terra?
Curiosidades Há 1 mês
Novos sóis e novos planetas: vida fora da Terra? O estudo demonstra que esses planetas sejam rochosos, havendo um equilíbrio para a existência de vida nesses planetas.
Primeira pomada contra picada de aranha
Ciência Há 1 mês
Primeira pomada contra picada de aranha Pesquisadores do Instituto Butatã (IB) anunciaram a produção de uma pomada capaz de salvar uma pessoa de uma picada de aranha-marrom (Loxosceles sp).
Aranha amamenta seus filhotes?
Curiosidades Há 1 mês
Aranha amamenta seus filhotes? Pesquisadores chineses afirmam que sim. Eles descobriram que uma espécie de aranha age de modo semelhante com seus filhotes.
Últimas postagens
1
Mileva, o braço direito de Einstein
2
Tartarugas marinhas são infiéis
3
Miopia: como ter uma visão melhor?
4
Ataques cardíacos no Natal e Ano Novo
5
Que palavras nos tornam humanos?
6
Farout: o planeta cor-de-rosa
7
Botas de fungos e suor
8
A formiga drácula: mandíbulas mais potentes do mundo
9
Natal: como não engordar nessa época?
10
Pelos: por que temos?
Parceiros
Publicidade