Garoto de 10 anos tropeça e descobre fóssil de 1 milhão de anos

O fato aconteceu em um sítio arqueológico do Novo México.

Garoto de 10 anos tropeça e descobre fóssil de 1 milhão de anos
Escrito por: Ms Redação 21 de julho de 2017 23h17 Comentários

No deserto árido do Novo México, um garoto de apenas 10 anos tropeçou e caiu. Mas o que seria apenas uma acidentezinho bobo acabou se tornando uma descoberta de 1.2 milhões de anos.

Assim que o garoto caiu ele foi verificar no que tinha tropeçado e descobriu um marfim. “Eu estava correndo para um morro quando tropecei em parte de um marfim”, disse o garoto em entrevista.

Próximo ao “dente” encontrado estava uma mandíbula inferior e quanto mais ele olhava, mais ele encontrava. O garoto e seu irmão desconfiaram que eles tinham encontrado apenas o cadáver de uma vaca.

Porém, após contatar o Professor Peter Houde, da Universidade do Novo México, foi descoberto que a ossada era na verdade de um herbívoro chamado “Stegomastodon”, que está extinto a mais de 28 mil anos.

O Stegomastodon pertenceu a um grupo conhecido como Gomphotheres. Esses animais bizarros eram parentes distantes dos famosos mamutes e dos elefantes. Acredita-se que o stegomastodon era um bicho bem estranho entre a sua espécie. Ao invés de possuir 4 presas com outros Gomphotheres, eles possuíam apenas 2, como os elefantes modernos.

Levou meses para que os pesquisadores pudessem desenterrar o fóssil. O processo de escavação foi extremamente delicado, pois os ossos do fóssil possuíam pedaços finos como casca de ovo.

Apesar de tropeçar em um fóssil de stegomastodon no Novo México não ser algo considerado comum, não é a primeira vez que acontece. Em 2014, um grupo acabou se encontrando com um esqueleto quase completo da criatura. Este fóssil acabou sendo coletado pelo Museu de História Natural do México.

Ainda assim, não é tão comum encontrar essas criaturas (ou o que sobrou delas) por aí. Até mesmo em sítios arqueológicos elas são raras.

Quando você estiver andando por aí e acabar tropeçando, não fique bravo, pois talvez você tenha descoberto algo incrível também.

 

Você pode querer ver...
Confira o trailer do Spotify que foi banido por ser assustador
Entretenimento Há 5 horas
Confira o trailer do Spotify que foi banido por ser assustador O vídeo foi denunciado por ser assustador e não adequado para crianças.
Cubra os ouvidos: Homem bate recorde de nota musical mais alta
Entretenimento Há 6 horas
Cubra os ouvidos: Homem bate recorde de nota musical mais alta O recorde de alta musical mais alta cantada por um homem é impressionante.
Chineses pretendem lançar lua artificial para iluminar as ruas
Entretenimento Há 6 horas
Chineses pretendem lançar lua artificial para iluminar as ruas A ideia é criar um ponto turístico, assim como diminuir o gasto com postes de luz.
O aquecimento global poderá causar a falta da cerveja
Entretenimento Há 1 dia
O aquecimento global poderá causar a falta da cerveja É, parece que agora a coisa ficou séria...
Templo milenar esculpido em uma única rocha faz viraliza
Entretenimento Há 1 dia
Templo milenar esculpido em uma única rocha faz viraliza O templo não é novo, mas agora está começando a receber reconhecimento online.
O site que cobra 99 cents para você ver quem pagou também
Entretenimento Há 1 dia
O site que cobra 99 cents para você ver quem pagou também O site não faz nada além de cobrar a pessoa curiosa o suficiente para quem quer saber quem também foi curioso.
Últimas postagens
1
Confira o trailer do Spotify que foi banido por ser assustador
2
Cubra os ouvidos: Homem bate recorde de nota musical mais alta
3
Chineses pretendem lançar lua artificial para iluminar as ruas
4
O aquecimento global poderá causar a falta da cerveja
5
Templo milenar esculpido em uma única rocha faz viraliza
6
O site que cobra 99 cents para você ver quem pagou também
7
Homem se enterra vivo na Índia para virar um deus
8
Urso é salvo de pote de plástico após ação de 3 dias
9
Cientistas descobriram a chave para o sucesso acadêmico
10
Homem garante que come pizza todos os dias a 37 anos
Parceiros
Publicidade