Conheça a vila africana onde crocodilos e humanos vivem em paz

Esta é uma convivência não muito comum, mas prova que somos capazes de viver em harmonia com qualquer natureza.

Conheça a vila africana onde crocodilos e humanos vivem em paz
Escrito por: Ms Redação 30 de julho de 2018 14h26 Comentários

Em culturas de todo o mundo, os animais são reverenciados e até adorados. No hinduísmo, por exemplo, as vacas são valorizadas por sua natureza gentil. Mas nem todo animal sagrado é tão inofensivo; crocodilos eram adorados no Egito Antigo como as representações vivas do deus Sobek.

Você pode se surpreender ao saber que a deificação de crocodilos está longe de se tornar história antiga.

Em Burkina Faso (País no oeste da Àfrica), a apenas 30 quilômetros da capital Ouagadougou, existe uma pequena vila chamada Bazoule, onde seu povo - descendente de guerreiros Mossis - escolheu o Crocodylus suchus como seu totem. Embora Bazoule esteja localizada em um país sem litoral, ele possui seu próprio lago, onde residem 150 dessas criaturas surpreendentemente dóceis.

Apesar da temível reputação dos crocodilos, os aldeões não têm problemas em conviver com eles. Na verdade, esse contato vai além da convivência, já que os moradores brincam e até sentam em cima dos crocodilos.

(Confira um documentário curto da CCTV NEWS, em inglês)

O porquê dos crocodilos serem sagrados vem de lendas antigas. Lendas locais do século 15 atribuem a esses répteis a salvação da aldeia. Enquanto no auge de uma grave seca, os Mossi foram levados pelos crocodilos até um lago que ainda não tinha sido descoberto. Isso não só permitiu que os Mossi sobrevivessem, mas também levou à fundação de Bazoule.

Os aldeões ficaram tão agradecidos com os crocodilos, que eles agora cuidam e vivem lado a lado com eles, tendo funerais e enterrando-os após a morte, como fazem com seus companheiros humanos.

Os Mossi também fazem um festival comemorativo todos os anos em homenagem aos grandes répteis, o Festival de Koom Lakre. Não apenas os crocodilos são considerados protetores de Bazoule, mas também são vistos como adivinhos que concedem desejos, especialmente durante o Koom Lakre.

Parece que a veneração dos crocodilos valeu a pena; em mais de 70 anos, não houve nenhuma morte por ataque de crocodilos na vila. É normal que as mulheres lavem suas roupas na água e coletem as plantas por perto, assim como é normal que as crianças brinquem na água também. Quaisquer mordidas que ocorrem são vistas como punições de seus ancestrais, não como um sinal de agressão dos répteis honrados.

Naturalmente, esse estranho relacionamento atraiu muita atenção. Ao longo dos anos, os turistas correram para a aldeia, procurando vislumbrar esse vínculo improvável entre humanos e répteis. Os visitantes têm a oportunidade de comprar uma galinha, que um guia usará para atrair os crocodilos para fora da água. Você pode posar para fotos, e se você se sentir corajoso o suficiente, você pode imitar as crianças locais sentadas nas costas de um crocodilo.

A aldeia prospera com o turismo, mas infelizmente, nos últimos anos, uma insurreição jihadista na área afastou muitos potenciais visitantes. E este não é o único problema que Bazoule enfrenta; a vila também se encontra ameaçada pelo aquecimento global.

Precipitação anual menor significa que a lagoa - que os crocodilos sagrados chamam de casa - corre o risco de simplesmente evaporar. Talvez as lendas sejam verdadeiras, e quando isso acontecer, os crocodilos levem os Mossi a uma nova fonte de água?

Você pode querer ver...
Mileva, o braço direito de Einstein
Curiosidades Há 1 dia
Mileva, o braço direito de Einstein Conheça um pouco mais sobre a Mileva, uma mulher muito importante na vida e carreira de Albert Einstein.
Tartarugas marinhas são infiéis
Curiosidades Há 1 dia
Tartarugas marinhas são infiéis Estudo realizado derruba um mito por trás das tartarugas marinhas. Confira o que foi possível observar com o estudo.
Miopia: como ter uma visão melhor?
Curiosidades Há 2 dias
Miopia: como ter uma visão melhor? Está com a vista cansada? Descubra como você pode melhorar sua visão sem gastar horrores!
Ataques cardíacos no Natal e Ano Novo
Curiosidades Há 2 dias
Ataques cardíacos no Natal e Ano Novo Estudo publicado na revista científica BMJ sugeriu que um risco de ataques cardíacos aumenta em 15% no período de Natal. Confira!
Que palavras nos tornam humanos?
Curiosidades Há 3 dias
Que palavras nos tornam humanos? Experimento realizado para entender nosso comportamento coloca em debate o que nos faz ser humanos. Confira!
Farout: o planeta cor-de-rosa
Curiosidades Há 3 dias
Farout: o planeta cor-de-rosa Conheça o Farout, um planeta cor-de-rosa que está à 18 bilhões de quilômetros da Terra.
Últimas postagens
1
Mileva, o braço direito de Einstein
2
Tartarugas marinhas são infiéis
3
Miopia: como ter uma visão melhor?
4
Ataques cardíacos no Natal e Ano Novo
5
Que palavras nos tornam humanos?
6
Farout: o planeta cor-de-rosa
7
Botas de fungos e suor
8
A formiga drácula: mandíbulas mais potentes do mundo
9
Natal: como não engordar nessa época?
10
Pelos: por que temos?
Parceiros
Publicidade